02/03/2024

Fiocruz desviou dinheiro dos índios

 

Mais um escândalo no terceiro mandato de Lula da Silva (PT). Depois de registrar o maior número de mortes de índios Yanomamis em 2023, se descobriu que a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), vinculada ao Ministério da Sáude, desviou uma verba destinada ao programa de fortalecimento da saúde indígena.

O dinheiro foi usado para bancar viagens ao exterior do pesquisador Guilherme Franco Netto com a esposa Lorena Covem Martins. Ele fez cinco viagens para três países, Portugal, França e Estados Unidos. O dinheiro desviado soma R$ 310 mil, segundo a Folha de S.Paulo na edição de quinta-feira, 29.

Franco Netto é bolsista e coordenador do programa, que inclui a esposa. O dinheiro do contrato com o Ministério da Saúde, chefiado pela ex-presidente da Fiocruz, a socióloga Nísia Trindade, foi usado para passear três vezes em Coimbra, Portugal; uma vez em Paris e outra no Estado do Colorado, nos EUA.

A diferença para os outros bolsistas é enorme. O segundo que mais recebeu diárias ficou com R$ 51.400 e o que registrou menos, R$ 176. Lorena, esposa de Netto, ganhou R$ 31 mil em diárias de viagens, além das viagens com o marido, bancadas com dinheiro que poderia ter salvo vidas Yanomamis.

Franco Netto justificou a viagem a Paris como “atividade de pesquisa acadêmica e formação em pesquisas relacionadas a territórios sustentáveis e saudáveis”, recebendo R$ 49.700, acima do valor de referência do programa, que segue as tabelas da Fundação para o Desenvolvimento Científico e Tecnológico em Saúde.

Netto já havia ido a Coimbra para “representar a Fiocruz no contexto da implementação dos acordos de cooperação formalizados entre a fundação e a Universidade de Coimbra”. A viagem durou um mês e valeu diárias de R$ 75.500.

Em janeiro de 2023, Netto voltou a Portugal, onde ficou por pouco mais de dois meses, recebendo R$ 85.500 em diárias. A viagem aconteceu enquanto o governo federal declarava estado de emergência e iniciava uma operação para "recuperar a saúde da população ianomâmi".

Um mês depois desta viagem, Netto voltou para Coimbra, onde passou mais 30 dias. Três meses depois, voou para o Colorado, ficando sete dias para "sistematização de dados e informações para subsidiar o relatório da pesquisa 'Ecocídio e Planejamento de Iniciativas da Fiocruz nos Cerrados'".

Netto se recusou a responder aos questionamentos da Folha de São Paulo e a Fiocruz afirmou que Lorena esteve em Paris com o marido "com recursos próprios" e "ficou em trabalho remoto" durante as viagens de Netto ao exterior. Se estava a trabalho, por que não recebeu diárias?

A Fiocruz alega que atua nesses países com pesquisador visitante e que, entre as atividades, organizou e preparou seminários relacionados ao tema "Ecocídio e Globalização dos Cerrados Brasileiros: Resistências e Lutas dos Povos e Comunidades Originários e Tradicionais pelos Direitos à Saúde e à Vida".

Por que a Fiocruz precisa fazer eventos sobre assuntos internos no exterior, é uma incógnita. Apesar de o pagamento de diárias ser lícito, não há justificativa para esses eventos e elas foram pagas com verbas que deveriam bancar remédios e médicos do atendimento aos Yanomamis.

Netto recebe uma bolsa mensal de pesquisa, de R$ 4,7 mil, mais salário de R$ 28,4 mil. Além das diárias. O nome dele chamou a atenção porque já esteve preso, em 2020, por ordem da Justiça do Rio de Janeiro, justamente por desvios de R$ 4,5 milhões na área da saúde. A prisão foi anulada pelo STF...

29/02/2024

Bahia registra quinta morte por dengue


 

Nesta quarta-feira (28), a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) confirmou a quinta morte por dengue. A vítima é de Irecê, no Centro-Norte baiano. No total 64 municípios estão em situação de epidemia para dengue. Não há confirmações da data da morte, que pode ter acontecido em janeiro. 

As outras quatro vítimas foSegundo a Sesab, os municípios com o maior número de casos são Vitória da Conquista e Feira de Santana, ambos em situação epidêmica. 

Só na capital baiana são 1.066 pessoas com suspeita de dengue, casos que estão sob investigação da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), e 80% dos criadouros encontrados pelos agentes de endemias estavam dentro das casas. O aumento dos casos acendeu o alerta e, nesta quarta-feira (28), a Prefeitura fez um balanço das ações realizadas e deu início a campanha de combate ao mosquito Aedes Aegypti.ram uma em Ibiassucê, duas em Jacaraci e uma em Piripá.

 O número de casos prováveis de dengue na Bahia atingiu 16.771 em 2024, até o dia 24 de fevereiro. Este dado representa um incremento de quase 100% em relação a 2023, quando, no mesmo período, foram notificados 8.408 casos prováveis.

02/02/2024

Ministério da Saúde confirma 29 mortes e 262,2 mil casos de dengue em 2024



Levantamento do Ministério da Saúde indica que o Brasil possui 262.247 casos prováveis de dengue. Desde o início do ano até a tarde desta sexta-feira (2), o país havia registrado 29 mortes relacionadas à doença. Outros 173 óbitos estão em investigação.

Na quarta semana epidemiológica do ano, entre os dias 21 e 27 de janeiro, o Brasil contabilizou 59.612 casos prováveis de dengue, o que representa um aumento de 189,2% em relação ao mesmo período do ano passado, quando o total era de 20.614 registros.

A taxa de incidência da doença é de 129,2 mil casos prováveis de dengue por 100 mil habitantes. O Distrito Federal lidera o ranking de incidência de casos prováveis, com 1.147,8 por 100 mil habitantes. Em seguida estão Acre, Minas Gerais e Paraná.




31/01/2024

COARACÍ - PREFEITO JADSON ALBANO ESCOLHE SEU CANDIDATO A SUCESSOR PARA AS PROXIMAS ELEIÇÕES


 Depois de muita expectativa, Prefeito de Coarací, escolhe seu sucessor para as     proximas eleições em outubro - Confira - Aperte e Play

22/01/2024

ITAJUÍPE - COM FÉ E MUSICA NA PRAÇA ASSIM FOI A FESTA EM LOUVOR A SÃO SEBASTIÃO NA PITANGUEIRA


Bairro de Pitangueira se despede de mais uma festa em Louvor a São Sebastião - confira nesse video - Aperte o Play para a informação.

Se você ainda viu um pouco da história de como começou essa festa no Bairro de Pitangueira, acesse esse link - https://www.youtube.com/watch?v=URJjovszf3Q. O Canal A Notícia, traz um pouco dessa história.


11/01/2024

DRª CLÁUDIA LUPI ADVOGADA DO PROCON ESCLARECE DUVIDAS - ENERGIA ELETRICA E MATERIAL ESCOLAR



O Blog Ligação Dreta conversou com a Advogada do Procon-Itabuna sobre duvidas com possiveis prejuizos relacionados a energia eletrica, e tambem sobre material escolar - Aperte o Play e confiram.




 

09/01/2024

PROFESSOR É ACUSADO DE ESTUPRO CONTRA VULNERÁVEL DE DEFICIÊNCIA MENTAL

Um professor da rede municipal de ensino de Irajubá, no sudoeste baiano, está sendo investigado por ser suspeito de abuso sexual contra um jovem portador de deficiência mental. 

A cidade dista de Salvador 299 km, localizada no região Vale do Jiquiriçá. No último final de semana foi registrado o caso. O suspeito foi intimado a prestar depoimento à Polícia Civil nesta terça-feira, 09 de janeiro. 

O caso veio à tona quando o autor enviou um áudio através de aplicativo de mensagens instantâneas ao jovem, e o ameaça a expor através de queixa crime na tentativa de incentivar a vítima a desmentir o fato. No áudio ele confirma o ato executado.O crime de estupro de vulnerável tem aumentativo de pena, 

Se confirmado através de laudos médicos a deficiência. Pois a pessoa abusada não tem o discernimento esperado para decidir sobre a prática do ato sexual, independentemente do consentimento da vítima.

O caso inclui acusações graves contra o educador, não somente pela alegação do abuso, mas também pela tentativa de coação da vítima. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Irajubá, a 2ª COORPIN de Alagoinhas.



 

30/12/2023

SAIBA QUAIS SERÃO OS FERIADOS DE 2024 E SUB TENENTE AZEVEDO FALA SOBRE A SEGURANÇA PARA ESSE VERÃO



 

A úlltma edição do Blog Ligação Direta em 2023, traz informações sobre os feriados em 2024, e também dicas importantes para quem vai aproveitar o período de alta estação. Aperte o PLAY e fique bem informado. 

17/12/2023

ITAJUIPE - ACIDENTE ENTRE CARRO E MOTO MOSTRA A FALTA DE SEGURANÇA NA PONTE QUE LIGA A CIDADE DE COARACÍ


 

RIO ALMADA, CRISE HIDRICA E VOCÊ

 



O nordeste brasileiro, via de regra, há décadas é o cenário perfeito para o uso politico da água. Estima-se que os valores pagos a carros-pipa ao longo desse tempo daria para construir centenas de poços, açudes e tantas outras alternativas para amenizar o sofrimento de quem precisa.

Nos últimos anos, aqui no sul da Bahia, estamos presenciando fato semelhante. Algo que nem o mais pessimista imaginaria: Floretas sendo dizimadas,  nascentes de rios a conta gotas, e junto, um silencio, braços cruzados, leis e punições adormecendo e políticos, parece esperando o pior acontecer para entrarem em ações pontuais.

Levando em consideração o nosso bravo Rio Almada, que vem sumindo a cada dia, trata-se do mais puro descaso. Credita-se à ele, apenas as chuvas para levar água para às cidades que ele "atende" 

E os políticos o que vem fazendo para para não deixar essa fonte de água morrer ? . Essa é a pergunta que não cala. Discursos vazios e narrativas de momento não resolvem o problema. Nesse momento de crise hídrica provocada pela estiagem é momento de mais questionamentos do que apontar dedo para todos os lados como se eximindo de um problema ao qual, deveria ter sido pensado bem antes.

Todos os políticos, Ong's, ambientalistas, Prefeitos e Vereadores dessas cidades a qual são banhados ou se servem das aguas do Rio Almada tem sua parcela de culpa. É inacreditável ver sua fonte de água acabando e não tomar nenhuma providencia. Função que também é do cidadão, mas  com alcance maior de quem esta dentro da esfera do "poder". Isso é a essência da falta de pensamento coletivo, aliado à arrogância politica.

E nesse momento, vale apontar, mas esquecem que há mais três dedos apontando de volta. 

Ao invés de gastarem energias no vazio com o leite já derramado, muito melhor é apontar e buscar soluções para uma população que ainda de forma inocente se deixam levar por promessas. 2024 é logo ali, pensem nisso. 

     

 


14/12/2023

Mais de 47 milhões podem estar sob vigilância de reconhecimento facial no Brasil




Estudo do Centro de Estudos de Segurança e Cidadania (Cesec) mostra que 47,6 milhões de brasileiros estão potencialmente sob vigilância de câmeras de reconhecimento facial no país. Isso representa cerca de um quinto da população. O levantamento foi feito com base nos locais onde essa tecnologia está sendo usada.

De acordo com o trabalho, há pelo menos 165 de projetos de videomonitoramento com reconhecimento facial. Na Região Sudeste, segundo o estudo há 21,7 milhões pessoas sujeitas a essa tecnologia. No Nordeste, são 14,1 milhões.

O levantamento mostrou ainda que o estado da Bahia fez o maior investimento na ferramenta (R$ 728 milhões). Goiás concentra o maior número de projetos ativos (64), devido ao fato de que a política está sendo executada pelos municípios.

Segundo a coordenadora do estudo, Thallita Lima, a tecnologia de reconhecimento facial precisa ser mais bem pensada e regulamentada, antes de ser tão amplamente utilizada. Ela questionou a eficiência da tecnologia, uma vez que não há efeitos práticos na redução da violência, onde ela tem sido usada.

Além disso, a tecnologia está sujeita a falhas no reconhecimento facial, que pode tanto não reconhecer os suspeitos como também lançar suspeitas sobre pessoas inocentes.

“A gente tem estudos, desde 2018, que mostram que as tecnologias de reconhecimento facial são enviesadas e, portanto, vulnerabilizam principalmente grupos minoritários, como pessoas negras, mulheres negras em especial, pessoas não-binárias. Por isso, a gente precisa refletir quais são os riscos quando a gente usa essa tecnologia de forma tão ampliada no nosso espaço urbano”, explicou a pesquisadora.

Além disso, Thallita questiona ainda os gastos necessários para a implantação dessa tecnologia, inclusive em cidades pequenas que não enfrentam grandes problemas em relação à violência.

“A tecnologia de reconhecimento facial, pelos levantamentos, não tem sido eficiente para modificar a experiência da insegurança nas cidades e os indicadores de segurança pública. E é muito cara. Será que vale a pena investir em algo que a gente sabe que não vai dar certo?”.


Com informações da Agência Brasil.

Butantan pede registro de vacina contra chikungunya no Brasil


 

O Instituto Butantan submeteu à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) o pedido de registro da primeira vacina do mundo contra a chikungunya. O pedido foi realizado nesta terça-feira (12).

Os resultados dos ensaios clínicos afirmaram que a vacina de dose única tem capacidade de estimular a produção de anticorpos em 98,9% dos voluntários. O imunizante é feito por meio de um vírus enfraquecido da chikungunya e vinha sendo desenvolvido desde 2020.

No Brasil, até setembro de 2023, foram notificados cerca de 143 mil casos de chikungunya. O número de mortes até o mês de recorte foi de 82 pessoas.

O Butantan afirma que o estudo foi feito com 750 voluntários adolescentes de 12 a 17 anos que residem em áreas endêmicas da doença. Entre os jovens vacinados, 98,9% apresentaram anticorpos após a aplicação do imunizante.

09/12/2023

Pedido de cassação de Janones chega ao Conselho de Ética da Câmara dos Deputados

 



O Conselho de Ética da Câmara Federal recebeu, nesta quinta-feira (07), a representação que pede a cassação do deputado federal André Janones (Avante-MG), acusado de pedir parte do salário dos seus assessores para pagar despesas pessoais, o que foi revelado em áudios. As informações são do colunista do Portal Metrópoles, Igor Gadelha.

Despachada pelo presidente interino da Câmara, Sóstenes Cavalcante (PL-RJ), a representação deve ser analisada apenas em 2024. “Ele [Janones] não fez amigos na Casa. As possibilidades de cassação são altíssimas”, disse Sóstenes ao portal Metrópoles.

Desde que as denúncias contra Janones foram publicadas, o gabinete do deputado não atende o telefone. Nenhum deputado federal do Avante quis comentar sobre o caso. Os correligionários Isidório (Avante-BA) e Waldemar Oliveira (Avante-BA), por outro lado, acreditam na inocência de Janones, mas disseram confiar na Justiça.

23/11/2023

ITAJUÍPE - O MEDO DA FALTA DÁGUA PRECISA SER LEVADO AOS PALANQUES DE 2024


Os erros que não foram reparados, ou mesmo jogados para baixo do tapete, se transformaram num fantasma para Itajuípe quando o sol aparece forte. Aperte o play e confira.